Translate

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

A NOSSA "CATEQUESE"

O método de Deus é o da humildade – Deus faz-se um de nós – é o método realizado na Incarnação na casa simples de Nazaré e na gruta de Belém, o da parábola do grão de mostarda. É preciso não temer a humildade dos pequenos passos e confiar no fermento que penetra na massa e lentamente a faz crescer.» «O nosso modo de viver na fé e na caridade torna-se um falar de Deus no hoje, porque mostra com uma existência vivida em Cristo a credibilidade, o realismo do que dizemos com as palavras, que não são só palavras, mas mostram a realidade, a verdadeira realidade. E nesta atitude devemos estar atentos a colher os sinais dos tempos na nossa época, discernindo as potencialidades, os desejos, os obstáculos que se encontram na cultura atual, em particular o desejo de autenticidade, o anseio à transcendência, a sensibilidade pela salvaguarda da criação, e comunicar sem temor a resposta que oferece a fé em Deus.» Como falar de Deus ao nosso tempo segundo Bento XVI.

SER FELIZ!

••>@[284951828281455:274:A Alma Sente]<•••
••>@[236527779806897:274:O Que  Todas Mulheres Merecem]<•••

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

MÁGOAS

As mágoas ficam...por mais que tentamos esquecer.
Estão cravadas na alma,e torturam,fazem-nos mal...como se fossem uma
praga,sobem do coração á cabeça,e moem,retraçam...tiram o sono,tiram a
fome...as mágoas roem a alma.
Como se fosse uma dor,que doi,que moi...o analgesico não atua!
Está escondida,mirrada,acabrunhada,,..adormecida por momentos,depois
volta ...com mais força,mais dor,mais mágoa!
Vamos tentar viver sem ela,mas está lá,viva! como um calo,uma frida,uma
 queimadura...
Tentar "matar" a mágoa.....mas.a mágoa vai comigo,disfarçada,camuflada e
quem sabe "pintada"!!!

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

CINEMA

Cinema
Cloud Atlas: cinco séculos e três horas
Quando em 2004 o escritor irlandês David Mitchell concluiu "Cloud Atlas", não perdeu tempo a pensar na hipótese de adaptação ao cinema. Acolheria por isso com surpresa o convite dos realizadores/argumentistas Lana e Andy Wachowsky para colaborar na adaptação do argumento para um filme a contar ainda com a direção de Tom Twyker. Na certeza de que tal colaboração só poderia constituir uma enorme mais valia para ambas as versões.
"Cloud Atlas" revela-nos as vidas de várias personagens que ao longo de séculos se cruzam, se encontram e se perdem, num ciclo de nascimento e morte.
Empreendimento difícil e arriscado, a transposição de um livro que implica seis segmentos a serem geridos por três mãos, no entretecer de histórias que atravessam 500 anos de História, teria a sua aposta mais elevada na capacidade de transformar a riqueza e inovação literárias do original para uma linguagem cinematográfica equivalentemente fértil.
Fotograma
Também por isto, merece ser visto!
"Cloud Atlas" (164') estreia esta quinta-feira em Portugal
Susan Sontag, autora norte-americana já desaparecida, levantava-se contra a interpretação. O mundo, dizia, encheu-se de comentários. Vivemos de coisas em segunda mão e cada vez estamos mais distantes da fonte. Uma fé vivida aqui e agora não se deixa capturar pelo comentário mas antes de tudo ajuda-nos a ser. A fé tem de ser uma escola do olhar, do odor, do sabor, do sentir, da escuta. A espiritualidade não se separa dos sentidos, que são portas interiores para o encontro profundo com Deus. Precisamos de uma mística do quotidiano. Deus não vem ao nosso encontro numa praça que nunca visitámos nem bate a uma porta onde não estamos.

Deus é a nossa companhia,mesmo que não pedimos! Ajuda-nos mesmo que não queiramos!
Deus vem ao nosso encontro,quando estamos sós,quando estamos doentes,quando precisamos,
seja qual for o motivo.É bom termos Deus do nosso lado,é bom sabermos que não estamas sós,
é bom sentimos a presensa Dele,numa flor,no cantar dum pássaro,no sol que nos ilumina.até na
chuva que rega as plantas,limpa o pó do mundo...A espiritualidade está aqui no dia a dia da nossa
vida,na nossa mente,na nossa crença...no nosso Deus!

terça-feira, 27 de novembro de 2012

S.Teresa de Jesus

“O caminho de perfeição” de Teresa de Jesus: o poder de uma metáforaO título da obra de S. Teresa de Jesus, conhecida como “Caminho de perfeição”, está cheio de aberturas sugestivas a uma imensa riqueza de conteúdos humanos, culturais e espirituais. Enquanto usa a metáfora do caminho, remete para a conceção da vida humana como uma viagem, que dá unidade à diversidade de episódios e de experiências e decorre entre progressos e retrocessos, sucessos e fracassos, perdas e ganhos, conquistas e derrotas, ditas e desditas. Vista como metáfora da existência humana vivida ou por viver, o caminho aparece como narrativa com sentido.


 Depois de S.Teresa de Jesus,cair na nossa mente,não mais sai...ajuda a nossa vida atribulada...
A força e o nosso caminho tem que ter um modelo de santidade que emana o bem querer que transparesse numa existência de santidade.

domingo, 25 de novembro de 2012

A PAZ....

É o amor de Cristo que nos une.O amor criador,o amor salvador,o amor santificado.
O amor a Deus nos une para proclamarmos que a paz é o nosso sonho,o nosso desafio.
Á historias partilhadas de vidas sofridas,a ausência da paz.
Paz não é ausencia de guerra.Paz não é omissão.É ação.Paz é presença de amor.
De um amor que nos envolve,que nos protege,que nos prepara para um novo anuncio.
"Afinal,o que é a paz?".

Paz não é apenas a ausencia de guerra entre os países.

Paz é garantir que todas as pessoas tenham moradia,comida,
roupa,educação,saude,amor,comprienção,ou seja,boa qualidade
de vida.

Cada virtude vivida é um vício que se vence.
O ódio,a ofensa,a discordia,as duvidas,o erro,o desespero,a tristeza,as trevas,
são vencidas pelo amor,perdão,união,fé,verdade,esperança,alegria e luz.
É mais nobre consolar do que ser consolado. e nos faz mais felizes amar que ser
amados.
A conquista da paz se dá no cotidiano.Éa antecipação do paraíso.
 (do livro "Ágape")

sábado, 24 de novembro de 2012

LISBOA.!!!....Homenagem a Lisboa


A nossa LISBOA!!!
Os bairros antigos
A Mouraria,Alfama ,Bairro Alto ...
e a Lisboa moderna! As pontes,o rio maravilhoso rio...
tudo é belo...
Os pasteis de Belem!
 

CAMINHOS

O que te peço, Senhor, é a graça de ser./ Não te peço mapas, peço-te caminhos./ O gosto dos caminhos recomeçados,/ com suas surpresas, suas mudanças, sua beleza.A esperança cura, enquanto a desesperança adoece-nos», considera o padre José Tolentino Mendonça, em entrevista publicada esta quarta-feira no “Destak”. «Devemos rezar para abrir o coração à vontade de Deus. Rezar para viver bem, em plenitude, todos os momentos da vida, inclusivamente os de contradição, de ferida, de doença, de crise. Rezar para que sejamos capazes de tirar partido desses momentos», diz o diretor do Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura. O vice-reitor da Universidade Católica sublinha também que é preciso dar mais tempo ao encontro com outros e com Deus: «O nosso ativismo às vezes é uma barreira na relação. Precisamos de uma pedagogia da audição, de nos escutarmos mais uns aos outros: há demasiada vida calada, vida submersa».

Esta prece é-me tão presisa!!!
De dia com os outros,vivendo
Calada,em surdina...
Vem o desespero medonho!
A vida é desfácil em tudo.
Não,tem coisas boas,se tem!
E as outras querem as suplantar!
Não deixo,não quero meu Deus!
De noite vêm fantasmas....
Povoam sem dó a alma desfeita,
de medo da crise do mundo!

 

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

BARCELONA


Nos arredores...
         Aldeias mediaveis


Foto: Peratallada





Aproveitado o tempo ....
Lindo!!!

Foto: Peratallada

David Garrett - Albinoni - Adagio


Adoro esta musica! De vez em quando enche-me! Quando estou mais
vazia!!!E outras maravilhas...o "resto" não conta,é bom ter uma boa audição!!!
Obrigada meu Deus!!! Foste tu que ma deste...

terça-feira, 20 de novembro de 2012

SAUDADES!!!!



As saudades é a vivencia dos "velhos"!
Quem não tem saudades ao ver fotos antigas?As pessoas que marcaram
 a minha juventude,os meus avós ,que eu adorei!!Os sons que preenchiam
os  meus ouvidos...a musica, as vozes,as  conversas...
Os serões de inverno,a ler.a tricotar...
As saudades esbatidas no tempo...á as saudades recentes...as coisas que perdi
as coisas que ganhei...as que eu vivi ´...as que deixei de viver...

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

SE.....

Se a minha alegria fosse eterna como eu queria....
Se a vida fosse cheia de amor como sonhei...
Se a paz fizese parte de mim como eu respiro...
Se a dor fosse abolida deste mundo...
Se a fome não fosse mais tormento para ninguem.
Se ser criança ,é ser o melhor que o mundo tem...
Se no mundo não ouvesse mais guerras nem mutilados
Se ser mulher é,ser eternamente mâe....
Se  feliz é um caminho eu quero caminhar...

 

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

AGRADECIMENTO

 Estou grata á S.Luzia pela recuperação a cem por cento das intervenções
 nos meus olhos!!!! Obrigada meu Deus,ouviste-me,ouviste S.Luzia...
No dia 11 de Outubro publiquei aqui,a pedir ajuda a S.Luzia "preciso de ti"dizia eu.
Estava dezesperada,agora estou bem!OBRIGADA MEU DEUS!!!

sábado, 3 de novembro de 2012

PESSOA!!!!!!!!!


Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes,
mas não esqueço de que a minha vida é a maior empresa do mundo.
E que posso evitar que ela vá a falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e
se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar
um oásis no recôndito da sua alma .
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um 'não'.
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo...

(Fernando Pessoa)

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

ORAÇÃO

Meu Senhor amado,eu agradeço o Teu sangue derramado.
Eu agradeço o calvário pelos meus pecados.Eu agradeço a Tua humildade  em
aceitar até ao fim a Tua missão.
Meu Senhor amado,o ódio não venceu o amor.
O ódio não pode vencer o amor,nunca!
Eu te peço pelos ódios que ainda frequentam os meus pensamentos.
Liberta-me,Senhor,do mal do ódio.Liberta-me Senhor,do mal da fofoca.
Liberta-me,Senhor do mal da ausência de amor.
Eu quero dizer sim ao projeto do amor.
Que a minha vida seja salva pela Tua vida e pelo meu sim.
Eu sou livre,Senhor.Tua vida faz-me livre.Tua Ressurreição faz-me live.
Meu Senhor amado,eis-me aqui,salvo e liberto pelo Teu sangue.
Eis-me aqui,salvo e liberto pela Tua glória.
Em Tuas mãos,Senhor,eu coloco as minhas ações e as minhas intenções.
Eu quero ser como João,cuidado pela Tua mãe.
Eu quero ser como João,responsável por cuidar e amar.
Eis-me aqui,Senhor,falho,pecador mas cheio de amor.
Faça-se em mim a Tua vontade,como Maria,com Maria.
Amém

EÇA ,ontem.hoje e sempre!!!!!!



Eça de Queirós escreveu em 1872
"Nós estamos num estado comparável apenas à Grécia: a mesma pobreza, a mesma indignidade política, a mesma trapalhada económica, a mesmo baixeza de carácter, a mesma decadência de espírito. Nos livros estrangeiros, nas revistas quando se fala num país caótico e que pela sua decadência progressiva, poderá vir a ser riscado do mapa da Europa, citam-se em paralelo, a Grécia e Portugal"
(in As Farpas)



 ACTUALISSIMO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1
A